04/10/2005

BTT



Domingo passado participei num passeio de BTT pelas salinas do Samouco organizado pela Câmara Municipal de Alcochete. As salinas estão vedadas ao público como se compreende, e mesmo quando nos é permitido visitá-las convém ser de uma forma organizada como esta. Para quem não sabe estas salinas são bem visíveis quando atravessamos a ponte Vasco da Gama, situam-se na margem sul do Tejo e onde podemos ver flamingos. Alem dos guias que orientavam o passeio tivemos a companhia de um biólogo devido ao facto de este ser um período de nidificação na zona.
É um belo passeio com cerca de vinte quilómetros no total, bastante fácil, sem subidas, ideal para quem se inicia no BTT. Pelo meio tivemos uma paragem na Junta de Freguesia do Samouco onde além de água, sumos e bolo, também provámos um belo Moscatel.
O único senão é ao facto de aparecerem sempre alguns “chicos espertos” que confundem estes passeios com competição, mas de certeza fogem às subidas e descidas das serras da Arrábida ou de Sintra.

5 comentários:

  1. I was just blog surfing around and found you! You have a really nice blog site. If you are interested, go see my strange auctions site. It's just a fun site but you may find something to entertain you.

    ResponderEliminar
  2. Belo belógue!

    Boas pedaladas
    Mário

    ResponderEliminar
  3. Eu adoraria fazer uma passeio como este! Até porque quando não há subidas fica mais fácil pra mim pois estou acostumada a caminhadas longas mas quando fiz uma trilha, me acabei pois era praticamente uma escalada!! rs..rs..
    um dia eu chego lá!
    Adorei as fotos.. lugar lindo!
    Vou continuar olhando...

    ResponderEliminar
  4. Em todo o lado aparecem sempre carapaus de corrida

    ResponderEliminar
  5. Foi o meu primeiro passeio organizado e como devem calcular não é fácil chegar sózinhA a uma concentração onde 99,9% das pessoas são homens, além disso era a minha primeira vez e ainda só andava de bike há 1 semana (após uns 10 anos sem lhe tocar)... há sempre a dúvida, será que vou empatar... será que vou aguentar até ao fim?

    E foi a conversa incentivadora do João (que conheci virtualmente através do PortalBTT.com e que felizmente adicionei aos meus contactos no msn), que me deu coragem para ir e hoje não quero outra coisa :)

    Obrigado João!
    CM

    ResponderEliminar