23/06/2017

Os cantoneiros

Lembro-me muito bem, das viagens que fazia com a família todos os anos às aldeias onde os meus pais nasceram. Uma coisa era certa, na estrada íamos encontrar os cantoneiros, com a sua farda cinzenta, e que frequentemente nos acenavam à nossa passagem, eram funcionários da extinta JAE (Junta Autónoma das estradas) cuja tarefa era a manutenção das estradas e a limpeza das bermas.  Provavelmente já viram as casas dos cantoneiros, eram abrigos usados por esses trabalhadores. Ainda existem algumas junto às estradas nacionais.  A JAE foi extinta  se não me engano em 1999 e nasceram três  institutos: O Instituto das Estradas de Portugal, o Instituto para a Construção Rodoviária e o Instituto para a Conservação e Exploração da Rede Rodoviária. Certamente houve muitas vagas para administradores dos tais Institutos,  mas os cantoneiros desapareceram das nossas estradas. Uma grande equipa de administradores são bem mais úteis do que aqueles funcionários que faziam a manutenção das bermas e tapavam os buracos nas estradas. Não é preciso fazer nenhum estudo nem criar uma comissão de entendidos para perceber que os cantoneiros evitaram muitos fogos, digo eu que sou do campo...

1 comentário:

  1. ||||
    Se me lembro!
    Subscrevo completamente o teu artigo.

    ResponderEliminar